Temporal destroi pontes hoje (05) e 100 famílias ficam isoladas na praia de Boiçucanga em São Sebastião

A Defesa Civil de São Sebastião informa que o município está em estado de alerta, após as fortes chuvas que atingiram a região na noite de domingo (05/03) e na madrugada desta segunda-feira (06/03). Apesar de a intensidade das chuvas terem diminuído durante a madrugada, elas continuam fracas e intermitentes, portanto o estado de alerta permanece até a liberação do Instituto Geológico (IG). O bairro com maiores danos foi o de Boiçucanga, onde a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros interditaram completamente duas pontes que cederam devido ao nível elevado dos rios.
O prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto, que também está acompanhando as vistorias na Costa Sul, determinou que uma passarela seja providenciada o mais rápido possível para os pedestres não fiquem isolados.
De acordo com a SEADRE, a passarela deve ficar pronta em dois dias, já a estimativa para que uma nova ponte seja colocada no local é de, no mínimo, 30 dias. A nova estrutura deverá ser mista, de metal e concreto, em substituição à de madeira que cedeu.
Além da ponte, as águas levaram também um trecho de cerca de 3 metros da lateral do lado do rio na estrada do cascalho, na altura do número 2005.
Em Boiçucanga a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros interditaram completamente duas pontes que cederam devido ao nível elevado dos rios. A Ponte do Chicão foi completamente destruída pela força da correnteza, já a Ponte do Tião Vaca, na Estrada do Cascalho, está isolada, com o lado direito totalmente adernado. No local residem cerca de 100 famílias que se encontram isoladas devido a cabeceira da ponte ter cedido, entretanto não foi registrado nenhum caso de desabrigados no município.
Foto: Divulgação/Facebook de Alana Goes Almeida

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam