Temporal alaga hoje (06) 200 casas Juquehy, Barra do Una, Barra do Sahy, Boiçucanga e Maresias em São Sebastião

Foi uma chuva bem localizada neste trecho dos bairros e Serra do Mar. Hoje a maré está baixa e o mar está calmo, isso favorece o escoamento da água acumulada e evita uma situação pior", diz Carlos Eduardo dos Santos, chefe da Defesa Civil em São Sebastião

Foi uma chuva bem localizada neste trecho dos bairros e Serra do Mar. Hoje a maré está baixa e o mar está calmo, isso favorece o escoamento da água acumulada e evita uma situação pior”, diz Carlos Eduardo dos Santos, chefe da Defesa Civil em São Sebastião

O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) registrou hoje (06) 121 mm de chuva por metro quadrado no pluviômetro instalado em Juquehy. Em Barra do Una o volume registrado foi de 71 mm e em Maresias 33mm. Todos os bairros afetados ficam na costa sul de São Sebastião.
Apesar da chuva ter parado por volta das 11h30, a Defesa Civil segue monitorando a situação na costa sul. “A chuva também foi forte sobre a área de mata da Serra do Mar. Essa água demora um pouco para chegar nos bairros, mas a vazão dos rios já aumentou bastante”, diz o chefe da defesa civil municipal.
Os bairros Juquehy, Barra do Una, Barra do Sahi, Boiçucanga, Barreirinha e parte de Maresias registraram alagamentos. A Defesa Civil estima que 200 famílias foram prejudicadas com a chuva, com queda de árvores e alagamentos no interior das casas, mas ainda não há registro de desabrigados. “Foi uma chuva bem localizada neste trecho dos bairros e Serra do Mar. Hoje a maré está baixa e o mar está calmo, isso favorece o escoamento da água acumulada e evita uma situação pior”, diz Carlos Eduardo dos Santos, chefe da Defesa Civil em São Sebastião.

Foto: Divulgação/Facebbok de Robson Cozendey /Defesa Civil Coordenadora

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam