Petroleiros entram em greve de 24 horas hoje (24) em São Sebastião

100 funcionários, do litoral norte, também aderiram à ação nacional

100 funcionários, do litoral norte, também aderiram à ação nacional

Por ampla maioria de votos, os petroleiros (as) do Litoral Paulista aprovaram o indicativo da FNP de greve de 24 horas nesta sexta-feira (24/07). A decisão, que incluiu a aprovação da assembleia permanente e estado de greve, foi tomada em assembleia na noite de segunda-feira (20/07), na sede e sub-sede do Sindicato.

Nas plataformas de Merluza e Mexilhão, onde também houve votação, a maior parte dos trabalhadores se posicionaram contra a mobilização.

Diante do risco iminente de privatização da empresa, através do plano de negócios e da tentativa de entrega do pré-sal ao estrangeiro, um grande consenso na assembleia foi a necessidade de buscar a união de todos os sindicatos petroleiros contra este desmonte. De fato, pelas intervenções feitas, ficou claro que a Petrobrás vive hoje um dos maiores ataques já sofridos desde a quebra do monopólio estatal do petróleo, na década de 1990.

A assembleia também aprovou que o Sindipetro-LP proponha a formação de um Comando Nacional de Greve, com representantes dos 17 sindipetros e demais entidades co-irmãs, para construir um calendário de luta. Essa ação será encaminhada por meio de ofício a todas as entidades.

Além disso, também foi aprovada a proposta de formação de comitês de base para garantir que os trabalhadores participem efetivamente dos rumos das mobilizações.

Para garantir que esta luta não fique restrita aos muros da Petrobrás, o Sindipetro-LP irá encaminhar pedido de apoio às entidades sindicais da região e de todo país. A greve desta sexta-feira deve ser apenas o início de uma grande luta em defesa da Petrobrás e da soberania nacional do país. Por isso, toda a população brasileira deve se somar a esta enorme tarefa. A hora é agora!

Quadro de votação

Sede – Santos | 81 votos a favor e 1 abstenção

Sub-sede – São Sebastião | 18 votos a favor e 1 abstenção

Plataforma de Merluza | 2 votos a favor, 14 contra e 1 abstenção

Plataforma de Mexilhão | 22 votos contra e 2 abstenções

Total geral | 101 a favor / 36 contra / 5 abstenções

Atualizado às 9h15

Foto: Divulgação/Sindipetro-LP

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam