Juan Manoel Pons (PMDB) terá de ressarcir R$ 46 mil mais continua como candidato forte a prefeito de São Sebastião

A Prefeitura de São Sebastião afirmou, na tarde desta sexta-feira (15) que não foi notificada e que, portanto, não comentaria a decisão

A Prefeitura de São Sebastião afirmou, na tarde desta sexta-feira (15) que não foi notificada e que, portanto, não comentaria a decisão

O ex-prefeito de São Sebastião, Juan Manoel Pons Garcia (PMDB), foi condenado pela Justiça a devolver R$ 46.043,24 à prefeitura por gastos considerados indevidos com bebidas alcoólicas, roupas e outros itens em de 2005. A decisão é em primeira instância. A defesa informou que vai recorrer.
Doutor Juan Manoel Pons (PMBD) continua como pre-candidato a prefeito de São Sebastião, onde esta bem colocado nas pesquisas e incomoda o candidato da outra cidade, vizinha que quer a todo custo ser prefeito de São Sebastião, mesmo não tendo apoio popolar.
O advogado de Juan Manoel Pons, Marcelo Toscano, afirmou ainda não ter sido notificado da decisão, mas disse que vai recorrer. Segundo ele, o ex-prefeito pagava do próprio bolso eos gastos e entregava as notas ao departamento financeiro da prefeitura para ser ressarcido. No entanto, der acordo com a defesa de Pons, os gastos com bebidas alcoólicas e indevidos não eram ressarcidos ao ex-prefeito.
“Este processo é absurdo. Não há prova nenhuma de que a prefeitura pagou essas despesas. As provas usadas eram de que ele entregou as notas. Mas não há comprovação de como foi feito o reembolso”, afirmou.
Foto: Divulgação

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam