Ernane Primazzi se reuniu com o chefe da Casa Civil Edson Aparecido para cobrar os investimento garantido pelo governador Alckmin para São Sebastião

Prefeito se reuniu com o chefe da Casa Civil Edson Aparecido na capital paulista

Prefeito se reuniu com o chefe da Casa Civil Edson Aparecido na capital paulista

O prefeito Ernane Primazzi se reuniu com o chefe da Casa Civil, Edson Aparecido, nesta semana para tratar de assuntos referentes a repasses financeiros prometidos pelo Governo do Estado ao município de São Sebastião.

No encontro, Primazzi fez questão de lembrar o investimento garantido pelo governador Geraldo Alckmin em 2013, para a construção das pontes de bairros da Costa Sul, que foram destruídas com as fortes chuvas que caíram sobre a cidade naquela ocasião. O prefeito lembrou que para terminar, por exemplo, a recém inaugurada ponte do Cascalho, em Boiçucanga, a Administração Municipal precisou assumir 80% do valor da obra tendo em vista que o Governo do Estado só liberou 20% dos recursos inicialmente prometidos.

Ele também fez questão de lembrar o representante estadual da necessidade de o Estado assumir os encargos de sua responsabilidade para o atendimento de pacientes no Hospital de Clínicas de São Sebastião. “O hospital é de responsabilidade do Estado e atualmente nenhum investimento é feito pelo governo estadual. A Prefeitura tem arcado com tudo o que é necessário para garantir o bom atendimento da população sebastianense e de outros municípios da região também”, disse.

Compromisso

De acordo com Aparecido, todas as solicitações feitas pelo prefeito serão encaminhadas e conversadas pessoalmente com o governador Geraldo Alckmin e, no caso das questões do hospital, também com o secretário de Saúde David Uip. “A expectativa é de que até a próxima semana consigamos uma resposta para as questões levantadas pelo prefeito”, comentou.

(JC/RF)

Foto: Halsey Madeira | PMSS

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam