Criminosos roubam dinheiro do grêmio estudantil de creche infantil e destroem os alimentos das crianças em São Sebastião

Segundo reportado no Boletim de Ocorrência, pela direção da unidade escolar, as pessoas que invadiram a creche quebraram a janela da secretaria, portas das classes, danificaram equipamentos e recursos pedagógicos, além de furtarem dinheiro do grêmio estudantil. A cozinha também foi alvo de depredação, além de ter a comida da geladeira e do estoque comprometida e desperdiçada

Segundo reportado no Boletim de Ocorrência, pela direção da unidade escolar, as pessoas que invadiram a creche quebraram a janela da secretaria, portas das classes, danificaram equipamentos e recursos pedagógicos, além de furtarem dinheiro do grêmio estudantil. A cozinha também foi alvo de depredação, além de ter a comida da geladeira e do estoque comprometida e desperdiçada

A creche Adriana Vasques Fernandes, na Topolândia, região Central de São Sebastião, foi novamente alvo de ataques de vândalos durante o último final de semana. A invasão na escola já é a quarta do ano, anteriormente atacada em abril, maio, junho e agora em agosto.

Segundo reportado no Boletim de Ocorrência, pela direção da unidade escolar, as pessoas que invadiram a creche quebraram a janela da secretaria, portas das classes, danificaram equipamentos e recursos pedagógicos, além de furtarem dinheiro do grêmio estudantil. A cozinha também foi alvo de depredação, além de ter a comida da geladeira e do estoque comprometida e desperdiçada.

A secretaria da Educação lamenta o ocorrido e informa que irá tomar todas as providências a fim de assegurar que o direito à escola de cada criança seja sempre preservado. Porém, ressalta que é importante que toda sociedade mantenha-se vigilante e ajude na preservação do bem público que é da comunidade.

“Quando ações de vândalos danificam o patrimônio público, todos perdem e novamente a secretaria da educação terá que investir recursos em algo que foi danificado propositalmente, prejudicando assim o cidadão de bem que precisa que todos os equipamentos públicos funcionem em sua perfeita ordem”, declarou Angela Couto, secretária de Educação.

(BR|WS)

Foto: Divulgação/PMSS

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam