Comercialização de mexilhões e demais moluscos foi suspensa hoje (01) em Caraguatatuba

Informamos que, temporariamente, a comercialização de mexilhões e demais moluscos bivalves está temporariamente suspensa em Caraguatatuba, como medida de prevenção tomada pela Prefeitura Municipal de Caraguatatuba e a Associação dos Pescadores e Maricultores da Praia da Cocanha – MAPEC

Informamos que, temporariamente, a comercialização de mexilhões e demais moluscos bivalves está temporariamente suspensa em Caraguatatuba, como medida de prevenção tomada pela Prefeitura Municipal de Caraguatatuba e a Associação dos Pescadores e Maricultores da Praia da Cocanha – MAPEC

Comunicamos a ocorrência de uma massa de água com temperaturas mais baixas e maior concentração de nutrientes que o habitual, deslocando-se pela Região Sul do país, em direção à Região Norte.
De acordo com informações do laboratório do IFSC – Instituto Federal de Santa Catarina, LAQUA-Itajaí, verificou-se a presença de toxinas diarréicas, produzidas por dinoflagelados do gênero Dinophysis, nesta massa de água.
Informamos que, temporariamente, a comercialização de mexilhões e demais moluscos bivalves está temporariamente suspensa em Caraguatatuba, como medida de prevenção tomada pela Prefeitura Municipal de Caraguatatuba e a Associação dos Pescadores e Maricultores da Praia da Cocanha – MAPEC.
Estamos acompanhando o percurso desta corrente ao longo de nossa costa, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, e assim que as condições estiverem normalizadas, informaremos aos consumidores.

Caraguatatuba, 01 de julho de 2016.

Cetesb encontrou algas tóxicas em praias em Caraguatatuba a toxina é acumulada em ostras e mexilhões e causa diarreia.
Além de alertar as autoridades, a Cetesb vai realizar nesta semana novas coletas em pontos do litoral paulista, especialmente nas áreas em que há cultivo de ostras e mexilhões, pois de acordo com o órgão, na última quarta-feira (29), moradores que comeram mexilhões apresentaram sintomas de intoxicação com diarreia.

Foto: Divulgação/PMC

Subscribe to Comments RSS Feed in this post

2 Responses

  1. Hoje no Prumirim em Ubatuba vários moradores que consumiram marisco passaram mal

  2. Aqui em Prumirim Ubatuba varios moradores comeram marisco e passaram muito mal

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Protected by WP Anti Spam